Fale conosco

SP-RJ (11) 98789-3692

(21) 99660-3478

Acumuladores Brasil

Pouco se fala no Brasil mas acumulação compulsiva ou acumulação patológica é uma perturbação que leva a pessoa a acumular objetos que muitas vezes podem ser até provenientes do lixo. É uma doença crônica, de difícil controle e tende a piorar com o avanço da idade.

Este hábito dos acumuladores compulsivos, até 2013, era considerado um sintoma do Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC), mas a partir deste ano, por ser uma doença tão específica e que gera tantos prejuízos ao indivíduo, ela foi considerada uma entidade, ou seja, uma doença isolada.

Não se conhece a causa exata que leva uma pessoa a fazer acumulação excessiva de objetos, no entanto, é possível que esteja relacionado com fatores genéticos, com o funcionamento cerebral ou com eventos estressantes da vida da pessoa.

Xícaras, potes vazios, latas, bichos de pelúcia, potes de plástico, livros, CDs… Numa casa de acumulador pode-se encontrar de tudo.

Empilha-se uns sobre os outros sem nenhuma lógica aparente, os objetos que uma pessoa acumula ao longo de sua vida torna sua casa um lugar difícil de habitar.

Além de causar riscos à saúde, a acumulação compulsiva pode levar à deterioração dos relacionamentos e do desempenho profissional e da saúde mental.

 Em alguns casos, o acumulador pode até adotar muitos animais de estimação, como gatos ou pássaros, sem ter condições de cuidar deles.

No casos mais graves, eles podem cobrir cômodos inteiros, deixando pouco espaço para se movimentar pela casa. Consequentemente, deixar os ambientes habitáveis outra vez pode levar vários dias, semanas ou meses.

Nesse assunto a AttualeBrasil trabalha para levar um serviço de qualidade para essas pessoas, acompanhe nossa página no facebook com o título ACUMULADORES BRASIL. lá iremos publicar fotos e histórias de locais de acumulações e o resultado supreendente.

www.attualebrasil.com.br

Compartilhar:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Artigos em destaque

Veja também